sexta-feira, 15 de maio de 2009



Creio no amor


Creio no amor...
Num amor incondicional
Um sentimento que rejuvenesce
Causa frio no peito
E faz um breve momento ser imortal!

Creio no amor...
No amor sinceridade
Que não se afoga em culpas
Não se inflama em torpe orgulho
E não aceita vaidade!.

Creio no amor...
No amor evoluído de uma paixão
Que não sabe ser dolente nem fazer sofrer
a um coração
Que une diferenças
E não exila almas na solidão!

Creio no amor...
No amor sintonia entre a palavra e a ação
Um amor que implanta sorrisos
Que nunca acusa
Reconhece erros e sabe pedir perdão!

Creio no amor...

(Inezinha Resende)





2 comentários:

Meméia disse...

Mas o amor que é verdade traz tudo isso. E o amor se confunde com a flor e com a cor...E eu só sei sorrir!
Parabéns Poeta do Amor, dos Sonhos!

Te adoro

Meméia

Anônimo disse...

Havia perdido a fé, até ler-te com a alma...

obrigada Poeta que me faz voar, e me sentir livre n´alma....

Bjos,